Ir para conteúdo
PT EN LOGIN LOGIN
12-da-area-de-portugal-continental-mapeada-como-potencialmente-apta-para-instalar-projetos-de-eletricidade-renovavel-salvaguardando-o-ambiente

12% da área de Portugal Continental mapeada como potencialmente apta para instalar projetos de eletricidade renovável salvaguardando o ambiente


12% da área de Portugal Continental mapeada como potencialmente apta para instalar projetos de eletricidade renovável salvaguardando o ambiente
alarmData de Publicação: 26 Janeiro, 2023Categoria: Investigação , Notícias Nacionais


Relatório técnico e mapa do LNEG publicados dia 26 janeiro.

Nova investigação desenvolvida no LNEG – Laboratório Nacional de Energia e Geologia em colaboração com: Agência Portuguesa do Ambiente (APA), Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG), Direção Geral do Território (DGT), Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e Direção-Geral do Património Cultural (DGPC).

Avaliou-se pela primeira vez quais as áreas de Portugal (Continental) com menor sensibilidade ambiental e patrimonial com vista à instalação de centros eletroprodutores de energia renovável. No âmbito de um grupo de trabalho interinstitucional lançamos estudo pioneiro que contribui para antecipar em dois anos um requisito da Comissão Europeia para fazer face à crise energética atual.

As metas climáticas e a crise energética na Europa exigem a aceleração de implementação de centrais solares e parques eólicos. Temos vindo a assistir, em Portugal e na União Europeia, a um crescendo nos conflitos com uso do solo, uma vez que é preciso uma grande área para produzir eletricidade renovável, por vezes já ocupada com espécies protegidas ou por ex. já tendo interesse mineiro ou florestal. Pode ainda haver conflitos devido ao impacte na paisagem ou no património arqueológico, entre outros.

O trabalho identificou as áreas com menor sensibilidade (ambiental e patrimonial) que poderão vir a ser elegíveis para um processo de licenciamento mais simplificado para unidades de produção de energia de fonte renovável solar e eólica. Será assim possível futuramente acelerar a sua implementação, porém salvaguardando outros valores ambientais e territoriais.

Identificaram-se cerca de 10 350 km2 de áreas com menor sensibilidade (i.e. 12% do território de Portugal Continental) que se distribuem por praticamente todos os municípios do Continente. A maior parte destas áreas está na região Centro (4 211 km2 i.e. ~41% do total nacional das áreas identificadas), seguido pela região do Alentejo (3 180 km2 ou ~31% do total) e pela região Norte (2 461 km2 ou ~24%). Por fim, nas regiões do Algarve e Lisboa e Vale do Tejo apenas se mapearam cerca de 299 km2 e 205 km2, respetivamente (3% e 2% do total nacional, respetivamente).

Mais detalhes:

Relatório: Simões, S.G., Barbosa, J., Oliveira, P., Patinha, P., Quental, L., Catarino, J., Simões, T., Rodrigues, C., Pinto, P.J.R., Azevedo, P., Cardoso, J.P., Picado, A. (2023) Identificação de áreas com menor sensibilidade ambiental e patrimonial para localização de unidades de produção de eletricidade renovável. pp. 61. LNEG Relatório Técnico, Amadora, Portugal. http://hdl.handle.net/10400.9/4006

Mapa online: https://geoportal.lneg.pt/mapa?mapa=AreasCandidatasRenovaveis


Notícias relacionadas:

Centro tem 41% da área do país apta para licenças rápidas de renováveis
https://www.publico.pt/2023/02/27/economia/noticia/centro-41-area-pais-apta-licencas-rapidas-renovaveis-2039694
Jornal Público, 27 de fevereiro de 2023

Estudo sugere áreas onde licenciamento de centrais solares e parques eólicos podia ser simplificado
https://edificioseenergia.pt/noticias/0302-estudo-areas-licenciamento-simplificado-producao-electricidade-renovavel-centrais-solares-parques-eolicos-producao-energia-electrica-renovavel-lneg/
Edifícios e Energia, 03 de fevereiro de 2023

Estudo mapeou áreas de Portugal Continental mais indicadas para acolher centrais solares e parques eólicos
https://smart-cities.pt/noticias/0102-estudo-mapeou-areas-portugal-continental-centrais-solares-parques-eolicos-electricidade-renovavel-lneg/
Revista Smart Cities, 01 de fevereiro de 2023

 Portugal tem 12% de área apta a receber projetos de energia renovável sem prejudicar ambiente
https://www.jornaldenegocios.pt/sustentabilidade/ambiental/detalhe/portugal-tem-12-de-area-apta-a-receber-projetos-de-energia-renovavel-sem-prejudicar-ambiente
Jornal de Negócios, 30 de janeiro de 2023

El 12% del territorio de Portugal es adecuado para construir proyectos renovables
https://www.review-energy.com/otras-fuentes/el-12-del-territorio-de-portugal-es-adecuado-para-construir-proyectos-renovables
Review Energy, 27 de janeiro de 2023

 12% do território continental português apto para projetos de energia renovável com salvaguarda do ambiente
https://www.ambienteonline.pt/noticias/12-do-territorio-continental-portugues-apto-para-projetos-de-energia-renovavel-com-salvaguarda-do-ambiente
Água&Ambiente, 27 de janeiro de 2023

Quais as áreas de Portugal com menor sensibilidade ambiental e patrimonial para instalação de centros de energia renovável?
https://noctula.pt/areas-de-portugal-sensibilidade-ambiental-e-patrimonial-instalacao-de-centros-eletroprodutores-de-energia-renovavel/
Noctula, 27 de janeiro 2023

12% da área de Portugal Continental mapeada como potencialmente apta para instalar projetos de eletricidade renovável salvaguardando o ambiente
https://www.anteprojectos.com.pt/2023/01/26/publicitacao-de-trabalho-de-investigacao/
Anteprojetos, 26 de janeiro de 2023