Ir para conteúdo
PT LOGIN LOGIN
andaluzia-e-portugal-criam-carta-geologica-transfronteiricada-faixa-piritosa-iberica

Andaluzia e Portugal criam carta geológica transfronteiriça
da Faixa Piritosa Ibérica


Andaluzia e Portugal criam carta geológica transfronteiriça
da Faixa Piritosa Ibérica
alarmData de Publicação: 11 Outubro, 2021Categoria: Investigação , Notícias Internacionais


Portugal e a Andaluzia concluíram um projeto conjunto para a conceção de uma carta geológica comum da Faixa Piritosa Ibérica, uma província metalogénica de classe mundial situada a sudoeste da Península Ibérica que se estende por uma faixa com aproximadamente 250 quilómetros de comprimento e 40 quilómetros de largura. Esta cooperação, que conta com a participação do LNEG, tem sido desenvolvida através do projeto europeu “GEO_FPI: Observatório Transfronteiriço para a Valorização Geo-Económica da Faixa Piritosa Ibérica”.

A Faixa Piritosa Ibérica (FPI) representa uma das maiores concentrações de sulfuretos massivos e uma das maiores anomalias de enxofre na crosta terrestre. Neste território, que constitui o núcleo da Região Europeia Alentejo-Algarve-Andaluzia (A3), a continuidade geológica favoreceu um desenvolvimento económico e social ao longo da sua história e cultura, focadas na exploração dos seus recursos metálicos. Este fator favoreceu uma demografia e uma economia fortemente dependentes do setor extrativo, sendo este o elemento unificador da região.

Com este trabalho conjunto, procedeu-se à atualização de toda a informação geológica disponível sobre a referida região tendo sido criada uma cartografia harmonizada de ambos os lados da fronteira luso-espanhola, unificando as informações disponíveis.

Para favorecer a sua disseminação foi criada uma plataforma digital de acesso aberto, que permite a visualização e consulta conjunta das cartografias geológicas e geotemáticas, bem como da informação existente nas litotecas do LNEG (Centro de Estudos Geológicos e Mineiros do Alentejo – CEGMA) e IGME (Litoteca de Peñarroya) no ambiente Levantamento Geológico da Faixa Piritosa Ibérica.

O beneficiário principal do projeto é o Instituto Geológico e Mineiro de Espanha, tendo como parceiros a participação da Dirección General de Industria Energía y Minas de la Consejería de Empleo, Empresa y Comercio da Junta de Andaluzia, da Câmara Municipal de Aljustrel e do Laboratório Nacional de Energia e Geologia.

Para mais informações consulte o website do projeto em: http://geo-fpi.igme.es/pt/proyecto.htm

Notícias relacionadas:

Andalucía y Portugal crean una cartografía geológica de la Faja Pirítica Ibérica
Junta de Andalucía, 08/10/2021