647
PT EN LOGIN LOGIN
Sustentabilidade Económica, Social e Ambiental para a Bioenergia

Sustentabilidade Económica, Social e Ambiental para a Bioenergia


Sustentabilidade Económica, Social e Ambiental para a Bioenergia

O estudo da sustentabilidade nos processos tecnológicos e produtos obtidos a partir da biomassa é uma área transversal a diversas áreas de estudo da Unidade de Bioenergia e Biorrefinarias, tendo um papel fundamental quer nos contratos bilaterais com empresas nacionais quer em projetos de I&D nacionais e europeus nos quais o LNEG participa.

As principais atividades em estudo são:

Avaliação de biorrefinarias integradas – conceção de instalações industriais, balanços de massa e energia e análises de viabilidade técnico-económica: Através do uso de softwares de simulação de processos de engenharia (AspenPlus e/ou SuperPro Designer) são efetuados o design e a otimização de processos, cálculo de balanços de massa/energia e avaliada a viabilidade técnico-económica destas biorrefinarias. De forma a minimizar o uso de combustíveis fósseis, uma atividade relevante consiste na avaliação dos consumos energéticos (eletricidade e utilidades) e a aplicação de integração energética em biorrefinarias direcionadas para a bioenergia e para bioprodutos.

Análise de sustentabilidade ambiental, social e económica de biorrefinarias: Realização de estudos de análise de ciclo de vida ambiental (LCA), social (S-LCA) e económico (LCC) das diferentes tecnologias bioenergéticas, desde baixo TRL até tecnologias à escala comercial, recorrendo a ferramentas de análise de ciclo de vida (SimaPro) com as mais recentes bases de dados (Ecoinvent e outras); Quantificação de emissão de gases de efeito de estufa e outras categorias de impacto ambiental, tais como acidificação dos solos, ocupação dos solos, eutrofização da água, formação ou depleção de ozono, entre outras; Desenvolvimento de modelos de avaliação de análise de ciclo de vida well-towheel para diferentes cadeias de valor em contexto de biorrefinaria.

Uso dos solos: Estudos quantitativos de avaliação das emissões de gases de efeito de estufa associadas às culturas energéticas (cultivo de biomassa para produção exclusiva de energia); Desenvolvimento de modelos integrados (ambiental, económico e social) da cadeia logística e de abastecimento de biomassa para bioenergia (calor, eletricidade e biocombustíveis).

Políticas Públicas: O LNEG, na área da Bioenergia e Biorrefinarias, contribui com pareceres técnicos para a preparação de documentos estratégicos nacionais em ambiente, biomassa e bioenergia, nomeadamente o PNPB-Plano Nacional para a Promoção de Biorrefinarias (Resolução do Conselho de Ministros nº 163/2017), o PNEC-2030, bem como pareceres técnicos no âmbito da preparação de diretivas europeias para o uso de fontes de energias renováveis (RED1 e RED2). O LNEG é a entidade coordenadora da verificação do cumprimento dos critérios de sustentabilidade para os biocombustíveis a nível nacional (DL nº 117/2010).

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com