Ir para conteúdo
PT EN LOGIN LOGIN
Nova publicação – Mapa de “Depósitos de Matérias Primas Críticas em Portugal Continental”

Nova publicação – Mapa de “Depósitos de Matérias Primas Críticas em Portugal Continental”


Nova publicação – Mapa de “Depósitos de Matérias Primas Críticas em Portugal Continental”
alarmData de Publicação: 04 fevereiro, 2021
Categoria: Investigação

Para atingir os objetivos do Green Deal da UE, a introdução de novas matérias minerais críticas é uma realidade, requerendo uma renovada procura de fontes de matérias primas na EU.

A procura de novas fontes de matérias primas, e em particular, de Matérias Primas Críticas (MPC), está condicionada pelas tecnologias emergentes e fatores económicos. As matérias primas são consideradas “críticas” quando o seu risco de fornecimento e impacto económico é considerado elevado relativamente a outras matérias primas. A criticalidade das Matérias Primas Críticas depende de vários fatores geológicos, políticos e técnicos.

Em setembro de 2020, a Europa considerou 30 recursos como Matérias Primas Críticas, mais três que em 2017. Nesta última lista foram adicionados mais quatro recursos, nomeadamente bauxite, lítio, titânio e estrôncio e, pela primeira vez, o hélio foi removido da lista. Historicamente a lista de Matérias Primas Críticas em 2014 considerou 20 recursos e inicialmente 14 em 2011.

Este mapa de “Depósitos de Matérias Primas Críticas em Portugal Continental” constitui uma compilação de ocorrências e depósitos conhecidos que contêm alguma das MPC de acordo, precisamente, com a última lista publicada em setembro de 2020. O LNEG contribui assim para um incremento do conhecimento das MPC em território nacional.

O mapa poder ser visto e descarregado aqui.

A Policy Brief sobre o trabalho efetuado está disponível aqui.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com