2563
PT LOGIN LOGIN
Tomo 28 (1986)

Tomo 28 (1986)


Tomo 28 (1986)Categoria: Publicações, Estudos, Notas e Trabalhos, 1980 a 1989

15.90

O preço inclui IVA à taxa legal em vigor.

Descrição

Artigos

1. Área Metalífera de Montemor-o-Novo Casa Branca (Baixo Alentejo, Portugal). Um Exemplo da Evolução dos Objectivos em Prospecção Mineira
J. A. Carvoeiras Goínhas ; Luís M. P. Martins (30 páginas)

resumo: O projecto de Montemor-o-Novo – Casa Branca (Baixo Alentejo – Portugal), teve como objectivo o estudo geológico e metalogenético de uma antiga área mineira onde se conhecem diversos índices de Fe, Cu, Pb, Zn, Sb e As, alguns dos quais foram objecto de exploração nos finais do século XIX, assumindo então relevância particular os minérios de ferro. Os autores enunciam as acções de prospecção desenvolvidas ao longo de diversos períodos.Os avanços dos conhecimentos geológico e metalogenético, assim como das técnicas de prospecção, reflectem-se na evolução dos objectivos a atingir e, em consequência, nos alvos a investigar. De facto, a partir do estudo inicial e da avaliação dos jazigos de ferro, passou-se mais tarde à prospecção das jazidas de sulfuretos polimetálicos que lhes estavam geneticamente associadas, culminando na fase actual que envolve já uma perspectiva de investigação do seu conteúdo em metais preciosos.

2. Contribuição para o Conhecimento da Evolução Mineralógica e Geoquímica da Meteorização no Maciço Eruptivo de Sintra
A. Mouraz Miranda (84 páginas)

resumo: Descrevem-se e analisam-se quer mineralógica, quer quimicamente sete perfis de alteração e uma bola, amostrados em diferentes tipos litológicos do maciço eruptivo de Sintra.Demonstra-se, no presente trabalho, que é possível estabelecer uma correlação entre as transformações mineralógicas que ocorrem em perfis de alteração, e as variações químicas concomitantes. A bola analisada, expressão da alteração esferoidal, constitui em pequena escala, a imagem da evolução mineralógica do perfil.

Paralelizam-se as observações da alteração in situ e os resultados da alteração experimental de rochas, conseguidos por intermédio de um diagrama de variação físico-químico, onde também se evidenciam as grandes linhas de tendência da evolução de meteorização.

3. O Gesso em Portugal
J. R. Graça Costa (26 páginas)

resumo: O autor dá uma perspectiva do que é a indústria extractiva do gesso em Portugal, focando também a indústria transformadora. Faz-se uma crítica à actividade extractiva, nos seus aspectos técnicos e económicos.Procede-se a uma análise das características do gesso cru nacional e do importado. É considerada a viabilização de um melhor aproveitamento do gesso nacional, mediante uma possível beneficiação do mesmo e os estudo das jazidas.

4. Uma Aplicação da Análise Discriminante e da Classificação Probabilística em Prospecção Geoquímica
E. Cardoso Fonseca ; J. Soares ; L. P. Lima ; L. Viegas (6 páginas)
resumo: A utilização da Análise Discriminante e de um Processo Probabilístico de Classificação, permitiu confirmar as zonas mineralizadas conhecidas na região de Escalhão-Barca d’ Alva, bem como proporcionar uma imagem mais precisa de novas zonas anómalas já detectadas por outras técnicas de análise multivariada.

Contacto

Email: venda.publicacoes@lneg.pt
Telefone: + 351 210 924 635


 

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com