2679
PT LOGIN LOGIN
Vol. XVII, Fasc. 1/2 (1965)

Vol. XVII, Fasc. 1/2 (1965)


Vol. XVII, Fasc. 1/2 (1965)Categoria: Publicações, Estudos, Notas e Trabalhos, 1960 a 1969

15.90

O preço inclui IVA à taxa legal em vigor.

Descrição

Artigos

1. Métodos de Exploração por Desabamento.
J. A. Simões Cortez (334 páginas)
Resumo: The caving methods of mining may offer profitable solutions as far as poor ore deposits are concerned, when these cannot be economically exploited by other methods. The choice of an exploitation method for a certain ore deposit is a complex problem that requires a careful consideration of many factors.When it is well carried out, it may decide upon the profit of the ore deposit exploitation. In a positive case, it is necessary to possess some knowledge regarding the choice of the method by suggesting a way, condensed in two tables, which leads progressively to the most suitable method, and which takes in account not only the characteristics of the ore deposit but also those of mining.
The principal part of the study is composed of the critical exposition of the exploitation methods by caving. (…) The paper ends with a short vocabulary regarding mining in English-French-Portuguese.
(…) Resumo Parcial

2. Utilização dos Sienitos Nefelínicos na Indústria Cerâmica.
A. V. Pinto Coelho ( páginas)
Resumo: Neste pequeno trabalho confrontam-se as composições mineralógicas e químicas de sienitos nefelínicos de Lakefield (Canadá); Stjernoy (Noruega) e Monchique (Portugal). O primeiro é já utilizado largamente em pastas cerâmicas como fundente e, o segundo, foi objecto de um estudo com o mesmo fim, por parte de ceramistas europeus. O sienito canadiano contém albite abundante mas é um pouco deficiente de nefelina; o norueguês tem escesso de ortoclase mas, em compensação, possui teor elevado de feldspatoide.O autor, ao estudar a rocha portuguesa, verificou que ela contém estes três minerais em quantidades relativamnte equilibradas. Possui, é certo, teor de óxido de ferro um tanto elevado (0,5% < O3Fe2 < 1,0%) depois de tratamento electro-magnético, mas esta presença, que apenas afecta muito levemente a coloração das pastas, não representa um inconveniente para a maioria dos produtos cerâmicos.
Os ensaios, já efectuados, de fusibilidade, retracção, porosidade, carga de ruptura, etc., levam a concluir que o sienito nefelínico português é um excelente fundente de várias indústrias, entre as quais a de cerâmica e a de certos tipos de vidro, que interessa conhecer, dadas as vantagens da sua aplicação.


Contacto

Email:  venda.publicacoes@lneg.pt
Telefone: + 351 210 924 635


 

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com