Ir para conteúdo
PT LOGIN LOGIN
cegma-2-0

CEGMA 2.0


CEGMA 2.0
alarmData de Atualização: 05 agosto, 2022

Centro de Estudos Geológicos e Mineiros do Alentejo – Projeto CEGMA 2.0

Programa Operacional Regional do Alentejo, Operação ALT20-03-0246-FEDER-000045
Aviso ALT20-46-2018-13, Eixo 3 – Investigação, Desenvolvimento Tecnológico e Inovação
NUT II Alentejo

Com o objetivo de apoiar a atividade extrativa no sul do país, quer na sua vertente mineira (minas de Neves-Corvo e de Aljustrel e exploração de rochas ornamentais e de pedreiras), quer na sua vertente de investigação aplicada a recursos geológicos, o LNEG inaugurou em 2018 o Campus de Aljustrel, originalmente uma operação apoiada pelo QREN INALENTEJO, sob a designação do Centro de Estudos Geológicos e Mineiros do Alentejo (CEGMA).

Em 2019, a CCDR Alentejo aprovou o Projeto CEGMA 2.0 destinado à ampliação das infraestruras e desenvolvimento sustentável de projetos de investigação nas áreas da Geologia e da Energia, de acordo com os objetivos da Estratégia Regional de Especialização Inteligente (EREI) da região do Alentejo. O CEGMA 2.0 é financiado pelo Alentejo2020, Portugal2020 e FEDER, sendo uma operação do Programa Operacional Regional do Alentejo.

O projeto CEGMA 2.0 inclui a ampliação do Edifício de Apoio e da Litoteca de Aljustrel (CEGMA 1.0), incluindo uma nova área de investigação no domínio das energias renováveis. Em síntese, o CEGMA 2.0 tem por objetivos:

  1. equipar o LNEG Aljustrel de meios analíticos e de processamento de rochas e minerais, favorecendo a aplicação de técnicas de datação de rochas (em contexto de estratigrafia ou de prospeção mineral), de estudos de geoquímica, de petrografia e de cartografia geológica, geoquímica e geofísica;
  2. ampliar a capacidade de arquivo do LNEG e melhorar a preservação e acesso ao seu espólio científico, que inclui, atualmente, mais de 500 sondagens de prospeção, cerca de 600 000 amostras de solos, sedimentos de corrente, rochas e minérios e mais de 18 000 mapas temáticos nas escalas 1/25.000 e 1/5.000;
  3. implementar projetos de investigação sobre energias renováveis, em particular de tecnologias de conversão fotovoltaica da energia solar, tornando o LNEG Aljustrel uma infraestrutura eficiente e autossuficiente em termos energéticos.

Pretende-se com este investimento dotar o LNEG Aljustrel de meios avançados de investigação, facilitando o desenvolvimento de novos projetos em geologia, prospeção mineral e energias renováveis. O investimento programado tem um valor global de 1,4 M€, com uma taxa de cofinanciamento de 85% assegurado pelo Alentejo2020, Portugal2020 e FEDER. Prevê-se que o CEGMA 2.0 permita um incremento do número de prestações de serviços e de parcerias, a realizar junto de empresas mineiras e de entidades na área do ordenamento e gestão territorial. O modelo de desenvolvimento do CEGMA 2.0 tem por base a sustentabilidade das infraestruturas, repartindo-se pelo aumento da área referente a laboratórios, gabinetes e arquivos, com uso eficiente da energia. Pretende-se assim melhorar a eficácia no desenvolvimento de projetos e atendimento a empresas, universidades e outras entidades.

O projeto CEGMA constitui uma parceria entre o LNEG e a CM Aljustrel, assegurando o município o apoio local ao nível do uso das infraestruturas e residência de jovens investigadores. O projeto contribui assim para o desenvolvimento sustentável da região do Alentejo e da Faixa Piritosa Ibérica.

Edifício de Apoio – Campus de Aljustrel

Edifício de Apoio – Campus de Aljustrel

Alçado do Edifício de Apoio – fase de expansão segundo projeto de Arquitetura do Arq. Carlos Ganhão. Orientação: NNE-SSW.

Alçado do Edifício de Apoio – fase de expansão segundo projeto de Arquitetura do Arq. Carlos Ganhão. Orientação: NNE-SSW.

Ações de divulgação de conhecimento geológico.

Ações de divulgação de conhecimento geológico.

Transferência e fotografia de sondagens e acondicionamento de caixas de testemunhos para catalogação.

Transferência e fotografia de sondagens e acondicionamento de caixas de testemunhos para catalogação.

Estantes metálicas da Litoteca de Aljustrel e desenvolvimento de bases de dados.

Estantes metálicas da Litoteca de Aljustrel e desenvolvimento de bases de dados. As estantes a adquirir pelo projeto CEGMA 2.0 permitirão o acondicionamento de novas sondagens em racks com cerca de 27 m de comprimento e 6 m de altura.

Cofinanciado por:

Logos Alentejo 2020, Portugal 2020, Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional

Unidades de Investigação