767
PT LOGIN LOGIN
Integração de Sistemas Energéticos

Integração de Sistemas Energéticos


Integração de Sistemas Energéticos
linkWebsite: https://www.eera‑set.eu/eera‑joint‑programmes‑jps/list‑of‑jps/energy‑systems‑integration‑2/

É comumente aceite que os diferenciais do binómio geração/consumo à escala diária (num processo
também referido por arbitrage) são facilmente geríveis, e.g. com sistemas de produção hídrica com
albufeira e bombagem ou, em face do atual desenvolvimento da mobilidade elétrica, recorrendo a
soluções G2V/V2G. Contudo, a variabilidade dos recursos renováveis em escalas temporais mais
alargadas, ou a necessidade de dar um uso eficiente à produção excedentária da geração renovável não
despachável, reavivou recentemente o sector de integração de sistemas energéticos, referindo‑se esta
terminologia à interligação operacional e de longo prazo de vetores e/ou sectores energéticos,
anteriormente, pouco (ou nada) interligados.
Exemplos disso são a ligação entre redes elétricas e de calor; a eletrificação do aquecimento de espaços
dotada de armazenamento térmico; a ligação entre o sector elétrico e dos sectores dos i) transportes; e
ii) calor industrial; iii) a conversão de eletricidade em hidrogénio e consequente reconversão em
eletricidade; iv) a geração de synfuels (combustíveis sintéticos) entre várias outras interligações
possíveis.
Esta área, instrumental para a operacionalização dos objetivos Europeus de descarbonização e
participação renovável, é abordada no âmbito da participação no na European Energy Research Alliance
(EERA), através do programa Energy Systems Integration (JPESI).

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com